10 dicas para uma casa segura

04/08/2020

Tempo de férias, de reflexão na casa e claro de segurança. Nunca é demais relembrar que é necessário fazer a manutenção para evitar perigos maiores.

Deixamos-lhe 10 dicas para uma casa segura

  1. Para se proteger de riscos elétricos, deve evitar-se utilizar tomadas ou extensões danificadas, procurando substituí-las assim que possível. Assegure que as tomadas e extensões não entram em contacto direto com a água. 
  2. Para prevenir avarias nos eletrodomésticos, efetue uma limpeza e manutenção regular, mantenha distância de fontes de calor ou de humidade, especialmente na cozinha e casa de banho. Nas saídas de longos períodos, certifique-se que fica tudo desligado. 
  3. Em relação ao risco de incêndio, o recomendável é que guarde sempre os produtos inflamáveis longe de fontes de calor, que vigie o fogão sempre que estiver ligado e, no caso de cheirar a gás, deve fechar rapidamente a válvula de segurança e contactar um técnico especializado. 
  4. No caso do risco de danos por água, como o entupimento de canos, a recomendação passa por utilizar um filtro no lavatório da cozinha e na casa de banho, de modo a prevenir que restos de sujidade se acumulem nos canos, como restos de comida ou cabelos. 
  5. Para o risco de danificação do mobiliário, durante as limpezas ou mudanças, verifique se o mobiliário fixo – aparafusado e encastrado – se encontra bem montado, de forma a prevenir quedas e danificações.
  6. Para evitar quedas ou acidentes dentro de casa, mantenha-a sempre arrumada e livre de objetos no chão, incluindo cabos de extensões elétricas. 
  7. No caso de ter jardim, faça uma manutenção regular do espaço de modo a reduzir o risco de deterioração e a danificação dos arbustos, sebes, árvores, mobiliário de exterior ou outros componentes;
  8. Importante também é a prevenção do risco de roubo. No caso de ir de férias ou de te ausentares por um longo período, informa as autoridades de segurança e os seus vizinhos, para que possam estar atentos a movimentações suspeitas;
  9. Para se precaver relativamente ao risco de tempestades, mantenha-se atento às previsões meteorológicas e siga as recomendações do Instituto Português do Mar e da Atmosfera e da Proteção Civil;
  10. No fim e não menos importante, conte connosco para um seguro multirrisco para a sua habitação que garanta a proteção da casa, dos seus bens e, claro, da sua família.